Banda Eva

ALÔ, PAIXÃO

Eu não vou perder você

Faz parte dessa história

Revelo o segredo

Existente na memória

Vou aqui andando

Caminhando pela vida

Quero te encontrar, sonhando

Sempre em cada esquina

Vivo a embalar e dançar

Em plena multidão

De amor explode a paixão, meu coração

Não vou deixar

Vou me revelar pra esse amor, o o

Não vou deixar

Vou me revelar pra esse amor, o o

Alô, paixão

Alô, doçura

Doce ilusão

De um coração


ARERÊ

Tudo que eu quero nessa vida

Toda vida é amar você, amar você

O teu amor é como uma chama acesa

Queima de prazer, de prazer

Eu já falei pra Deus

Que não vou te deixar

Vou te levar pra longe

Vou a qualquer lugar

Já fiz de tudo pra não te perder

Arerê,

Um lobby, um hobby, um love

Com você, ê ê

Arerê,

Um lobby, um hobby, um love

Com você, ê ê

Cai cai cai, cai cai, cai cai pra cá

Hey, hey, hey

Tudo, tudo vai rolar…

Arerê,

Um lobby, um hobby, um love

Com você, ê ê

Arerê,

Um lobby, um hobby, um love

Com você, ê ê

Arerê


BELEZA RARA

Eu não posso deixar que o tempo te leve jamais para longe de mim

Pois o nosso romance minha vida é tão lindo

És que manda e desmanda nesse coração que só

Bate em razão de te amar

Daria o mundo a você se preciso

Você tem o aroma das rosas, me envolve em teu

Cheiro e assim faz ninar

A imensa vontade de estar ao seu lado

Nem o mar tem o brilho encantante como o dos teus olhos

Minha pedra rara

Eu não vou negar sem você meu mundo pára

Mil voltas e voltas que dei, querendo de vez encontrar

Alguém que levasse a sério amar

Mil voltas e voltas que dei, querendo de vez encontrar

Um alguém igual a você beleza rara

Hoje sou feliz e canto

Só por causa de você

Hoje sou feliz, feliz e canto

Só porque amo, amor, você


CARRO VELHO

Cheiro de pneu queimado

Carburador furado

Coração dilacerado

Quero o meu negão do lado

Cabelo penteado

No meu carro envenenado

Eu vou, eu vou

Então venha

Pois eu sei que amar a pé, amor

É lenha

Eu vou pra lá dançar

Seja noite ou seja dia

E se eu beber alguma,

amor me guia

Eu vou pra lá dançar

Seja noite ou seja dia

E se eu beber alguma, amor ooo… me guia

Quer andar de carro velho, amor?

Que venha, pois eu sei

que amar a pé, amor

É lenha

Que venha

É lenha

Que venha

Eu sei que amar a pé, amo…

Quer andar de carro velho, amor?

Que venha, pois eu sei que amar

a pé, amor

É lenha

Quer andar de carro velho, amor?

Que venha, pois eu sei que amar

a pé, amor


COLEÇÃO

Sei que você gosta de brincar

De amores

Mas Oh, comigo não,

comigo não

Sei também que você eu não sei

Mas nada

Um dia, você

vai, ouvir de alguém

O que eu ouvi de ti

Então irá, pensar, como eu sonhei em vão

Não vá, ou vá

Você é quem quer

Quer saber….eu amo você.


CUPIDO VADIO

Eu já descobri que a minha vida é sua, a vida é uma só

Sou seu ursinho, sua gatinha, seu xodó

Só durmo agarradinha com você

É meu cobertor nas noites de frio e nas de calor

Também sinto frio, me leva que eu vou apaixonada

Fissurada nesse amor! oh ! oh!

Quem me flechou foi um cupido vadio e ele acertou

Meu coração de jeitinho me leva que eu vou

Apaixonada, fissurada nesse amor oh! oh!

Mas eu só quero te amar, não deixe essa canoa virar

Eu vou remar nas águas cristalinas do mar

Vou navegar e me entregar de vez essa paixão!

Mas eu só quero te amar, não deixe essa canoa virar

Eu vou remar nas águas cristalinas do mar

Vou navegar e te entregar de vez meu coração!

Oh ! oh! oh! oh! xálalalalala… oh! oh! oh! oh!oh oh! oh!


DE LADINHO

Não vou ficar sozinha

é de ladinho que eu lhe acho

Nao vou ficar sozinha

é de ladinho que eu lhe acho

Vou invadir o seu mundo

vou beber da sua água

seu gostinho num copinho

me deixa apaixonada

Vou invadir o seu mundo

vou beber da sua água

seu gostinho num copinho

me deixa apaixonada

O teu cheiro vem

invadindo a praça

sem convite vem

e não fecha as portas

de lado eu vou, com o meu amor

de lado eu vou, com o meu amor

com o meu amor com o meu amor


EVA, VOCÊ E EU

Levo a minha vida, ou ou ou

Sem o seu abraço, ou ou ou

Mas eu não me acho

Acho que fui eu que errei

E na despedida, ou ou ou

Um beco sem saída, ou ou ou

Te dei a minha vida, você me perdeu

Eu estava acostumada, a ser sua namorada

Não consigo te esquecer

Alguma coisa me diz, que eu só vou ser feliz

Com você ao meu lado

Vou te encontrar na avenida,

Tão lindo, tão lindo

Como Deus te fez

E te beijar na saída do bloco mais lindo

Eva, você e eu


Faço qualquer negócio pra te ver na avenida ou no show

Grudo no pé, dou bandeira, fico de bobeira só pra te ver passar

Teu olhar envergonhado, meu coração disparado

Se o teu olhar cruzar de repente com o meu olhar envergonhado

Olá… eu sou sua fã

A número um, sou sua fã

Não durmo direito, não como, não bebo

Só vivo de te ver passar

Você realiza o meu sonho, é a minha razão de sonhar

Mando carta perfumada, fico na torcida pra você me responder

Quero contar meus segredos e ganhar um beijo, um sorriso, um retrato, uma mão

Não me canso de dizer, o que eu sinto por você

Você é tão maravilhosa, que Deus ilumine a estrela que és

Olá… eu sou sua fã

A número um, sou sua fã

Não durmo direito, não como, não bebo

Só vivo de te ver passar

Você realiza o meu sonho, é a minha razão de sonhar


FLORES

Já me feri no espinho daquela flor

Já lhe dei beijos que marcaram nosso amor

Queria ser Romeu e Julieta no passado

Um sonho épico que eleva o ser amado meu bem

Lhe dei amores, venci rumores

Dessa moçada careta

Que não quer saber de amar, porém

Nunca amei ninguém, mas você é quem?

Eu que ando criando em meus sonhos

Castelos de areia

Nunca amei ninguém, mas você é quem?

Me afogava num mar de ilusão

Sou sua sereia

Já lhe dei flores que brotaram em meu jardim

Você brincou de bem-me-quer mal quer

Saber de mim


HORA “H”

Hora h, dia d eu vou até o fim do mundo amor com você

Hora h,dia d eu vou até o fim do mundo amor sem me

Perder…

Pois o amor é o caminho que nos leva ao céu..

Aperto,beijos e carinhos com gosto de mel…

Eh!oh!eh!ah!eh!ah!eh!oh! só quero é te amar, é te amar…

Eu sei que vai dar pé não vai dá bobeira, o amor tá aí,

Não é brincadeira,vem me seduzir, sacudir a poeira

Ai iá iá olha a poeira iá iá !


IDIOMA DA PAIXÃO

Quero falar a lingua do teu coração

idioma da paixão eu vou aprender

te entrego a minha vida

sem ter hora de partida

sem pensar na despedida, sem sofrer

Quero falar a lingua do teu coração

idioma da paixão eu vou aprender

te entrego a minha vida

sem ter hora de partida

sem pensar na despedida, sem sofrer

Fica pertinho de mim amor

me derreto sim, pra você

faz um denguinho de mim, iô, iô

me ama como se fosse a primeira vez

Assim eu vou

me leva nesse balanço

adormeço com teu canto

em teus braços como uma flor

Vai me regando assim, me dando seu calor

me enraizando entre nesse amor

deixa eu entrar no teu coração

que eu jogo a chave fora

nunca mais vou ver a solidão

Iô, iô, iô

Eu nunca mais vou ver a solidão

Iô, iô, iô

Amor, não deixe assim meu coração


LEVADA LOUCA

Chegue, chegue, chegue

Tem festa no Candeal

Batuque no Canjerê

Eu vou levar meu timbal

Tocar samba pra você

Tem festa no Candeal

Batuque no Canjerê

Eu vou lavar meu timbal

Tocar samba pra você

Não fico quieto quando vejo num boteco

Tamborim com reco-reco, xequerê a chacoalhar

Bate, bate, bate

Esquenta a mão nesse couro

Cante, cante, cante

Acorda que o dia nasceu

Bate, bate, bate

Esquenta a mão nesse couro

Cante, cante, cante

Acorda que o dia nasceu

Levada louca

Levada louca

Levada louca pra dançar


ME ABRAÇA

Quando você passa eu sinto o seu cheiro

Aguça meu faro e disparo em sua caça Iaiá

O tempo inteiro a te admirar

Perco o tino paro de pensar

Seguindo os seus passos aonde quer que vá

Me abraça e me beija

Me chama de meu amor

Me abraça e deseja

Vem mostrar pra mim o seu calor

Eu vejo em seus braços

Um laço perfeito

Me dá essa chance meu bem

Me veste de beijos

Me dá essa chance meu bem

Me cobre de beijos

Me abraça e me beija

Me chama de meu amor

Me abraça e deseja

Vem mostrar pra mim o seu calor

Me abraca e me beija

Me chama de meu amor

Me abraça e deseja

Vem mostrar pra mim o seu calor


MIRAGEM

Verdadeira miragem do meu dia-a-dia

Naufraguei nesse mar

Me salvei no seu coração

Uma estrela me guia pra ter alegria

Na rota desse amor

Navego essa paixão

No vai-e-vem eu vou, felicidade amor

Vem me dar calor

Amanhecer a te amar

Beija-me como nunca fui beijada por ninguém

Toca-me como a peça preciosa de cristal

Ama-me com a força desse amor total

Diz que sou sua menina

Diz que sou seu carnaval

Junto a sua vida com o meu amor

Não tenho saída, sou sua, sou

Só quero estar contigo e ter você aqui

Junto a sua viola com o meu amor

Não tenho saída, sou sua, sou

Só quero estar contigo e ter você aqui

Û ô ô ô ô

Ai ai ai ai ai

Só quero estar contigo e ter você aqui


NAYAMBING BLUES

Peguei o trem do amor

A Jerusalém*

Na mala não levo a dor, não

E nem cabe no trem

Cantando e tocando eu vou

Vou para o além

E o anjo condutor, meu Deus

É músico também

Canta Bahia Reggae

Nayambing Blues para você, meu rei

Canta Bahia Reggae, now

Nayambing Blues para você, meu rei

Rabi vai ouvir mais uma vez

A tristeza vai embora

Alegria toda hora

Eu sei, que a semente já vai brotar

Já sei, como é grande a vontade de cantar

Eu sei, “The Legalize” não vai negar

Fogo na Babilônia… Cante Jerusalém como Aierúxala


PEQUENA EVA

Meu amor

Olha só, hoje o sol não apareceu

É o fim

Da aventura humana na Terra

Meu planeta Deus

Figiremos nós dois na arca de noé

Mas olha bem meu amor

O final da odisséia terrestre

Sou Adão e você será…

Minha pequena Eva, (Eva)

O nosso amor na última astronave

Além do infinito eu vou voar

Sozinho com você

E voando bem alto (Eva)

Me abraça pelo espaço de um instante (Eva)

Me cobre com teu corpo e me dá

A força pra viver

E pelo espaço de um instante

Afinal, não há nada mais

Que o céu azul

Sobre o Rio Beirute ou Madagascar

Toda Terra reduzida a nada a nada mais

E minha vida é um flash

De controles, botões anti-atômicos

Mas olha, olha bem meu amor

No final da odisséia terrestre

Sou Adão e você será…


QUERER

Meu bem querer ô ô minha criança

Amo você o morro fica triste sem você

Meu bem querer minha esperança

É não sofrer eu morro e fico triste sem você

Meu bloco na rua não vai desfilar

Na roda de bamba eu não vou mais sambar

Você se foi e me deixou ou foi embora

Onde andará o meu amor ô essa hora

Û ô ô ô ô me sentar lá beira do mar e afogar a tristeza

Eu vou ô ô ô ô ô me sentar numa mesa de um bar, me embriagar com

Certeza.


VEM MEU AMOR

Quando te vejo, paro logo em seu olhar

O meu desejo é que eu possa te beijar

Sentir seu corpo, me atirar em seu calor

Pois o que eu quero é ganhar o seu amor

E fico assim querendo o seu prazer

Eu não consigo um minuto sem você

Tua presença alegrar meu coração

É pra você que eu fiz essa canção

Vem, meu amor, me tirar da solidão

Vem, meu amor, me tirar da solidão

Vem para o olodum, vem dançar no Pelô

Vem, meu amor, chega pra cá, me dá a mão

E fico assim querendo teu prazer

Eu não consigo um minuto sem te ver

Minha presença alegrar teu coração

É pra você que canto fiz esta canção