Gang do Samba

BICHO BOM

Olha que bicho bom, meu Deus que coisa louca

É uma tentação de dar água na boca

Olha que bicho bom, meu Deus que coisa louca

É uma tentação de dar água na boca

Me chama a atenção do seu andar do seu gingado

Quem está sozinho até vive acompanhado

Já estou gamado eu parei na sua

Eu quero imaginar essa gostosa nua

Ela é motivo de separação

Já vi muito marido ganhar beliscão

É coisa do outro mundo é corpo sedutor

Parece que foi feita no computador

Eu quero viajar com ela nesse avião

Eu sei que é muita areia pro meu caminhão

Não tô de brincadeira, não é sacanagem

Se não der de uma vez eu dou duas viagens


CADA MACACO NO SEU GALHO

Xô xuá, Cada macaco no seu galho

Xô xuá, Eu não me canso de falar

Xô xuá, O meu galho é na Bahia

Xô xuá, O seu é em outro lugar

Não se aborreça moço da cabeça grande

Você vem não sei de onde

Fica aqui não vai pra lá

Esse negócio da mãe preta ser leiteira

Já encheu sua mamadeira

Vá mamar noutro lugar


RAIMUNDA

Essa menina tá de brincadeira, vai acabar me passando a mão

Rebola bola o rebolado da Raimunda,

rebolando tá fazendo todo mundo passar mal

É o monumento da redonda arquitetura, logo embaixo da cintura é a bunda

Subiu a temperatura, ó Raimunda, logo embaixo da cintura é a bunda

Subiu a temperatura oba oba

Lá vai a bunda passeando pela feira, vai conduzindo Raimunda orgulhosa

Lá vai a Raimunda rebolando a brasileira,

lá vai Raimunda que coisa

maravilhosa

Essa menina tá de brincadeira, vai acabar me passando a mão

O Seu Genário tá perdendo a compostura,

se ela passa vai subir sua pressão arterial

Rapaziada tá de olho arregalado, de olho no rebolado,

tá saindo do normal


TINGALAGATINGA

Pandeiro, tamborim e marcação, tingalagatinga, lagatinga no salão

Chora meu cavaco, fala cavaquinho tingalagatinga, lagatinga miudinho

Samba de primeira, coisa brasileira, olha a swingueira venha cá neném

Samba minha filha, mexe essa cintura,

deixa de frescura que isso só faz bem

Samba de primeira, coisa brasileira, olha a swingueira venha cá neném

Samba minha filha, mexe essa cintura,

deixa de frescura que isso só faz bem

E nesse tingalagatinga a gente vai suar, suar, suar ah ah..

E nesse tingalagatinga a gente vai mexer, amo amo amolecer

E nesse tingalagatinga a gente vai suar, suar, suar ah ah..

E nesse tingalagatinga a gente vai mexer, amo amo amolecer

E nesse tingalagatinga passa a mão na testa, na testa a mão na testa

Agora joga a mão pra cima e bate palmas…..

O nosso amor (/Gang do Samba) é festaaaa, (fui!)

Eu quero ver

Você descer

Agachadinho

No joelhinho

E joga de ladinho

Eu quero ver

Você mexer

Bem gostosinho

Chora cavaquinho