Ivete Sangalo

FESTA

Festa no gueto,

Pode vir, pode chegar

Misturando o mundo inteiro

Vamos ver no que é que dá

Hoje tem festa no gueto,

Pode vir, pode chegar

Misturando o mundo inteiro

Vamos ver no que é que dá

Tem gente de toda cor

Tem raça de toda fé

Guitarras de rock’n roll

Batuque de candomblé

Vai lá

Pra ver

A tribo se balançar

O chão da terra tremer

Mãe preta de lá mandou chamar

Avisou, Avisou, Avisou , Avisou

Que vai rolar a festa

Vai rolar

O povo no gueto

Mandou avisar


O GRANDE CHEFE

O grande chefe falou

Que hoje vai comemorar

No rosto dele pintou

Vontade louca de amar

Eu sou da tribo Cacaca

O seu sorriso é o meu cocar

A avenida é a minha aldeia

E só axé corre na veia

Pra pular, pra pular, pra pular, pra pular

Carnaval, coração, sai pra lá solidão

Vem me ver, vem me ver, vem me ver

A festa é nossa e o presente é pra você


SE EU NÃO TE AMASSE TANTO ASSIM

Meu coração, sem direção

Voando só por voar

Sem saber onde chegar

Sonhando em te encontrar

E as estrelas

Que hoje eu descobri no seu olhar

As estrelas vão me guiar

Se eu não te amasse tanto assim

Talvez perdesse os sonho

Dentro de mim

E vivesse na escuridão

Se eu não te amasse tanto assim

Talvez não visse flores

Por onde eu vim

Dentro do meu coração

Hoje eu sei, eu te amei

No vento de um temporal

Mas fui mais, muito além

Do tempo do vendaval

Nos desejos, num beijo

Que jamais provei igual

E as estrelas dão um sinal